terça-feira, 10 de julho de 2007

Clipes Matinais

Ontem a noite, sem nada pra fazer, resolvi dar uma passada pela MTV. Pela hora provavelmente eu não veria nem rockgol nem mtv+, mas eu não tava muito cheia de opções de lazer no momento e acabei vendo mesmo.
Depois de três clipes do programa MTV de Bolso, eu percebi que os clipes que eu tinha acabado de ver eram os mesmos (e na mesma ordem) que eu vi uma vez, num dia em que tinha que ir pra escola, umas 6h da manhã.
Eu nunca ligo a tv de manhã, faço tudo correndo e sempre saio de casa com alguma coisa na boca e com um par de tenis na mão. É que o motorista da minha condução não se importa muito se eu atrasei porque tava amarrando o sapato, comendo alguma coisa, ou vendo mtv; se ele não me vê no instante em que pára em frente ao meu bloco, vai embora mesmo, sem pena de mim.
Enfim, esse dia eu acordei um pouco mais cedo e, como ninguém acorda no mesmo horário que eu aqui em casa, eu não tinha o que fazer, nem com quem conversar. Tv é uma aliada nessas horas.
Nesse dia (que eu não me lembro se era no mês de maio ou junho) eu vi 3 clipes. Eram eles: Golden Skans do Klaxons, Million Ways do OkGo e Ruby do Kaiser Chiefs. E como ontem a noite eu vi os MESMOS clipes na MESMA ordem, percebi que a MTV não ligava muito pra que tipo de programa ou pra quantas vezes eles passam o mesmo programa em horários em que as pessoas (normais) não costumam assistir tv.
Vamos aos clipes.

O primeiro, como disse, foi o Golden Skans do Klaxons, música e banda que eu ando escutando e gostando. Essa música, eu ouvi a primeira vez quando vi o programa, o mtv de bolso (pela primeira vez tb, de manhã, escola e tal) e esse clipe esdrúxulo tava passando. De primeira, não gostei da música por causa do clipe. Não consigo separar totalmente a música da imagem a primeira vez que eu escuto/vejo um clipe, acabei julgando a pobre da música boa por conta das imagens... feias. De mal gosto. Sem sentido. E principalmente, idiotas.
O clipe começa com os dizeres: "In the beggining there was nothing. In the end there will be nothing. Only light". Mas parece que no futuro deles vai ter luz, fitas coloridas, máscaras e os caras do Klaxons. Legal.
O clipe se passa em lugar nenhum, no mundo perdido, em outra galáxia em que qualquer toque na água provoca sons de explosão. Os caras da banda aparecem devidamente pelados, se movendo em câmera lenta e cantando a música. Sou mais a Carla Peres que sempre aparecia nos clipes pelada, cantando a música, mas pelo menos em movimentos mais rápidos que a luz. Enfim... lá pelas tantas aparecem umas fitas que vão se enrolando nos corpos (pouco malhados, diga-se de passagem, né) dos integrantes e eles ganham umas máscaras (que eu não sei se foram inspiradas no baile de romeu e julieta ou no "qual é a música?"). E assim rola o clipe. Vez enquando eles começam a partir pílulas - ou lâmpadas fosforecentes - com espadas e tal... meio jedi o esquema. Uma bosta. Mas a música é muito boa, pena. Do clipe, não da música.
Aí está a porcaria:



Foi muito bom passar OkGo depois do clipe do Klaxons pra eu não ficar desconsolada com a chatice do clipe anterior. "A Millions Ways" não tem as esteiras, mas nem isso deixa o clipe enjoado. Acho que só pelo fato de serem 4 homens vestidos como Paul e John (só que num estilo mais brechó da coisa) e dançando uma coreografia "complicada" durante uns 4 minutos sem parar e sem errar já faz o clipe legal. Ok, o esquema das esteiras no "Here it goes again" foi uma sacada genial, mas... dancinha no chão também é legal. Sem contar que o único gasto do clipe deve ser sido com a coreógrafa...
Confira:

Já o Kaiser Chiefs, é a mesma coisa de sempre. O clipe é sem graça como a banda, e na minha opinião, Kaiser Chiefs, The Killers e Bravery são tudo farinha do mesmo saco. Então nem vale você perder seu tempo vendo.
Foi isso. No dia da escola eu desliguei a tv e sai correndo e ontem eu desliguei a tv e fui dormir.

4 comentários:

RiCarDo disse...

ola

ta bkn tu blog


xau cuidt

João Henri Guilherme disse...

o do Ok Go eu gostei. Principalmente da parte que eles simulam uma briga. Bem bolado. Agora, com relação ao Bravery, digo o seguinte: o cara é o Elvis, ponto.

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Se você quiser linkar meu blog no seu eu ficaria agradecido, até mais e sucesso. (If you speak English can see the version in English of the Camiseta Personalizada. If he will be possible add my blog in your blogroll I thankful, bye friend).

Gabriel disse...

eh, gostou do negocio de "criticas" neh?
:p
Golden Skanks eh legal
mas Klaxons no geral naum gosto muito
¬¬